Intercâmbio - Conheça suas vantagens

Houve um tempo, não muito distante, em que fazer intercâmbio era algo voltado para adolescentes que ainda eram estudantes e sequer tinham entrado na faculdade. A experiência ajudava a ganhar maturidade e independência, além, é claro, de futuramente contar pontos na vida profissional. Mas os tempos mudaram e hoje o grupo de quem faz intercâmbio conta com muitos jovens recém-formados e também aqueles que já estão há mais tempo no mercado de trabalho e querem se atualizar.

A grande maioria ainda é na faixa de 18 e 30 anos, mas temos notado um crescimento grande de pessoas com mais de 45/50 anos procurando um curso no exterior. Isso se deve a vários fatores, entre eles o fato de o intercâmbio estar mais popular e atraindo diversos tipos de clientes, e também porque a terceira idade está mudando seu perfil, estão mais aventureiros, dispostos, e também com mais dinheiro para gastar em viagens.

Fazer um intercâmbio, independente da época, é uma experiência válida. O mais procurado quando se está no segundo grau é o High School; quando se está na faculdade, é o curso de idiomas. São propostas diferentes.

 

High School

O High School é um programa acadêmico (a pessoa já tem que saber o idioma, pois vai estudar numa escola de ensino médio, pegando matérias regulares). Já o curso de idiomas é somente um curso de inglês, por exemplo, não acadêmico. Pode ser uma turma geral ou menor, focada em executivos, por exemplo. Ou, se já tiver inglês mais avançado, um curso direcionado para áreas especificas, como inglês para negócios, finanças, advogados, médicos, etc..

A imersão cultural é bem maior no programa High School, especialmente porque a garotada de 15 a 18 anos assimila muito mais coisas e com mais rapidez, além do fato de já entrarem na faculdade com o diferencial do intercâmbio no currículo. Para os que já se formaram, é um investimento na carreira, para se tornar e se manter competitivo no mercado de trabalho. Os interessados em fazer um intercâmbio cultural devem procurar uma agência especializada, e não simplesmente uma agência de turismo. Quem não tiver fluência e não tiver uma vivência no exterior (ou seja, conhecer como funciona a cabeça do estrangeiro) vai ficar para trás e pode ser substituído por profissionais mais jovens e com esse perfil.

E é também um investimento pessoal, pois uma pessoa que conhece o mundo e outras culturas tem um conhecimento geral mais amplo e se destaca nos meios sociais. Hoje em dia o mercado de trabalho está valorizando mais a experiência de morar e estudar fora. A fluência no idioma vem como consequência.

O programa High School permite que você viva como um estudante local no país de destino e more na casa de uma família estrangeira, como se fosse um membro do círculo familiar. A troca de experiências e o contato no dia-a-dia farão surgir uma forte ligação entre você, a escola e a família que irá recebê-lo, criando laços para toda a vida. Também é possível morar no residencial da escola, quando se tratar de internatos (boarding schools).

Os requisitos para participar do programa High School variam de acordo com cada país e incluem:

  • Ter entre 14 e 18 anos de idade;
  • Estar cursando o Ensino Médio no Brasil;
  • Ter conhecimento intermediário do idioma do país de destino;
  • Ter desempenho escolar médio nos últimos 3 anos;
  • Ter maturidade e flexibilidade para se adaptar a uma nova vida.
  • Vacinas em dia

 

Como funciona

Quando o aluno se inscreve no programa High School ele passa a contar com a orientação individualizada da World Study, que garante a segurança necessária à sua estada no exterior e trabalha com parceiros internacionais conceituados, oferecendo a melhor preparação e suporte, dentro e fora do Brasil.

O aluno irá se hospedar em casa de família e as aulas começam, geralmente, na primeira semana de fevereiro e na primeira semana de setembro. Ele deverá escolher o destino, dentre as 24 opções que a World Study oferece e receberá todas as informações sobre a família, escola e comunidade.

 

O programa inclui:

  • Host Family
  • Matrícula em escola pública
  • Supervisão durante o programa
  • Documentação necessária para o visto
  • Handbook para o aluno
  • Orientação de chegada na host family nos primeiros dias de programa
  • Seguro Saúde (Consultar Parceiro)
  • Número de emergência 24 horas para os alunos
  • Transfer do aeroporto (Consultar Parceiro)

 

Tipos de Programa

Você pode escolher entre estudar em escolas públicas ou privadas e, nos dois casos, você tem direito à hospedagem, refeições e suporte.

  • Em escola pública – No exterior, a diferença na qualidade do ensino entre a escola pública e a particular não é grande como no Brasil. Escolhendo esta opção, você vai estudar junto com a maioria dos alunos locais. O ambiente escolar é mais descontraído e, dificilmente, exige-se uniforme. Se você busca um contato autêntico com outra cultura, esta é a opção!
  • Em escola particular – Caso você prefira um ambiente mais seletivo, existem excelentes opções de escolas particulares no exterior. Elas são reconhecidas pelo seu prestígio acadêmico, esportes que oferecem, tradição, entre outros. Na maioria você vai usar uniforme e participar do cotidiano da elite local. Esta opção é ótima se você for apaixonado por algum esporte ou quiser um ambiente exclusivo.

No exterior, a diferença na qualidade do ensino entre a escola pública e a particular é quase nula. No colégio público, onde o ambiente é mais descontraído e não se exige uniforme, o intercambista conviverá com a maioria dos alunos locais. É a opção ideal para quem busca um autêntico contato com a cultura do país escolhido. Já na escola privada, o estudante encontra um ambiente mais seletivo, com grande tradição acadêmica e também esportiva. Na maioria delas, você vai usar uniforme e, acima de tudo, participar do cotidiano da elite local.

 

Como se inscrever?

O aluno interessado deve ir acompanhado dos pais até uma Loja CI para realizar entrevista e um teste do nível de idioma. Se aprovado, o candidato recebe um formulário e uma lista com os documentos necessários para a matrícula.

 

Tipos de Acomodação

Casa de Família

É onde você terá o contato mais autêntico fazendo Colegial no exterior. Você será um “filho” desta família estrangeira durante todo programa. Eles esperam, ao recebê-lo, também conhecer uma nova cultura.
As famílias são, geralmente, de classe média, de qualquer raça, cor e posição social, que vivam legalmente no país escolhido. E podem ou não ter filhos.

As estadias em casa de família são normalmente organizadas pela escola e existe uma combinação entre os estudantes e as famílias que compartilham de interesses parecidos. O conforto e a localização variam de casa para casa, mas as preferências podem e devem ser indicadas para que a escola possa encontrar uma combinação apropriada.

Um outro aspecto diferente do Brasil é que essas famílias não têm empregada doméstica e você terá deveres, assim como os demais membros da casa!

Ideal se você quiser viver como um verdadeiro residente local e tem perfil de fácil adaptação numa rotina diferente.

Internato

É a opção de acomodação oferecida nas melhores escolas particulares do mundo. Você vai viver entre alunos que moram no país, ou ainda, vindos de diversos lugares e que, assim como você, optaram por viver nos dormitórios das escolas. Você poderá usufruir de uma ótima infra-estrutura esportiva e acadêmica.

O internato é uma boa opção pra você que quer conhecer e aprender sobre o ambiente escolar tradicional de alguns países e que se adapta bem às regras de conduta exigidas por elas.

 

Como tirar visto?

A maioria dos países exige visto específico de estudante. Você pode tirá-lo direto no consulado ou com auxílio de um despachante. Em alguns países nem há necessidade de visto por até seis meses de permanência. Verifique com um Consultor CI sobre as condições de cada destino.

É possível comprar as passagens aéreas de ida e volta diretamente na CI. Assim, você pode aproveitar as melhores tarifas de estudante, com pagamentos parcelados, descontos e muito mais.

As passagem de estudante possuem algumas condições especiais, inclusive de tarifa, para quem for viajar para estudar/estagiar no exterior, com restrições de idade. A CI é uma das emissoras oficiais desse tipo de passagem.

Para onde ir?

Alemanha

Se você procura um país onde além de estudar você pode ter acesso a muitas opções de lazer e entretenimento, a Alemanha é um excelente destino. Como maior potência econômica da Europa, é referência em tecnologia, processos industriais e sede de grandes companhias multinacionais. Possui um rico e belo patrimônio cultural, oferecendo ao estudante estrangeiro ótimas escolas, reconhecidas por sua excelência acadêmica, e a possibilidade de viver em um país europeu, com excelente infra-estrutura e belas paisagens.

 

Austrália

Quem participa de um intercâmbio na Austrália certamente não esquece da experiência e traz na bagagem conhecimento, lições de vida e uma série de boas lembranças. País de extremos, a Austrália permite que você conheça paisagens que vão desde montanhas nevadas a praias paradisíacas, além de florestas tropicais e animais  exóticos. A Austrália é também um dos países mais multiculturais do globo e por isso os intercambistas são muito bem recebidos pela comunidade. 
As escolas estimulam você a desenvolver suas potencialidades, oferecendo disciplinas bastante originais, de acordo com o perfil do estudante. Para os que curtem arte, tem cinema, televisão, teatro, dança. Você pode aprender outros idiomas como Japonês, Mandarim, Alemão e Francês. Há opções também nas áreas biológicas, como estudos marinhos e geologia. A Intercultural oferece matrícula em mais de 40 escolas públicas de oito cidades australianas, incluindo grandes centros como Brisbane, Sydney , Gold Coast e Melbourne.

 

Canadá

Considerado o país de melhor qualidade de vida no mundo, o Canadá atrai cada vez mais estrangeiros. O inglês e o francês são os dois idiomas oficiais do Canadá, que é líder no ensino de segunda língua. As escolas seguem o padrão norte-americano e o seu Sistema Público de Ensino é considerado um dos melhores do mundo. O programa High School no Canadá inclui opções na maioria das províncias canadenses, em escolas localizadas em cidades belíssimas como Vancouver e Toronto e lugares fantásticos como Nova Scotia e Saskatoon. Os alunos terão a oportunidade de praticar esqui, vela, ciclismo e snowboard e visitar museus, teatros, parques e festivais culturais.

 

Espanha

A Espanha é um país seguro, com uma sociedade firmemente baseada na família, com sistema educacional de alta qualidade e reputação mundial. O High School na Espanha tem como sua principal base a vida diária em família, na escola e na comunidade. É uma excelente oportunidade de vivenciar o dia-a-dia num país europeu alegre e cheio de energia. A Espanha tem excelentes opções culturais e de lazer, além de contar com paisagens e lugares belíssimos.

 

Estados Unidos

Os filmes e seriados ajudaram a popularizar as escolas norte-americanas entre os jovens. Os Estados Unidos estão entre os principais destinos de intercambistas de High School, que embarcam nessa experiência motivados pelas cheerleaders, pelos jogadores de basquete ou futebol americano e também pelo universo que envolve a rotina de um estudante nos Estados Unidos. Os clubes de xadrez, os refeitórios, os shows de talento, tudo isso já faz parte do imaginário dos jovens brasileiros. As escolas públicas e particulares nos Estados Unidos possibilitam que o estudante tenha uma visão geral dos costumes, história e cultura do povo americano. São escolas de excelente nível acadêmico, com professores com alto grau de conhecimento.

Programa Escola Pública (J1) - No programa High School USA – Escola Pública, o candidato se inscreve e então a organização parceira no país procura por uma escola e seleciona uma família para receber o intercambista.

Programa Escola particular (F1) - Na opção Escola Particular, o candidato pode escolher a escola na qual gostaria de estudar nos EUA, dentre uma lista com mais de 80 escolas disponíveis.

 

França

Você pode vivenciar a cultura, os costumes e a história da França estudando parte do ensino médio num “Collège” ou “Lycée”.  Ao morar com uma família francesa ou no dormitório da escola você pode conhecer de perto a rotina de um jovem francês, vivendo as mesmas experiências. Cada estudante fica sob a supervisão de um conselheiro local, que é recrutado e treinado pela organização parceira internacional. O coordenador auxilia na seleção da escola, da família e monitora seu desempenho escolar e a sua adaptação durante sua participação no programa.

 

Holanda

Diversidade cultural e tolerância social são características marcantes da Holanda. Ao escolher o país para o programa High School,  você vive como um típico estudante holandês, frequentando uma escola pública, conhecendo a língua, a cultura e fazendo novos amigos. A família holandesa vai receber e tratar você como um membro, o que ajuda na sua integração no país.

 

Inglaterra

A Inglaterra é sede de famosas universidades como Oxford e Cambridge. Seu sistema educacional atrai jovens cosmopolitas e que encontram na Inglaterra um país rico em história e cultura. Você pode estudar em Londres ou ainda em escolas do interior, em cidades cercadas de belas paisagens como campos e penhascos a beira mar. As escolas que recebem estudantes estrangeiros são “boarding schools”, ou pensionatos, onde os estudantes moram e fazem todas as refeições na escola.

 

Irlanda

Na Irlanda, a paisagem é linda e as pessoas são amigáveis e hospitaleiras. O estilo de vida é tranqüilo e relaxado. É um país vibrante, criativo e cheio de energia e com uma população jovem. O programa High School está aberto a estudantes de 12 a 18 anos e está disponível em um grande número de escolas públicas e privadas, tanto no sistema “boarding school”  como no sistema em que você mora com uma família estrangeira. O currículo abrange toda uma variedade de disciplinas acadêmicas em ciências, tecnologia e artes.

 

Itália

A Itália possui mais da metade do patrimônio histórico e artístico do mundo e é um berço de tradições folclóricas e gastronômicas. Pode ser considerado um museu a céu aberto, ou a tradução real de um livro de história. Lá é possível respirar cultura. O país se destaca por vários pontos e não poderíamos deixar de mencionar: para os meninos - o futebol, e para as meninas - a moda.
Podem participar do programa apenas estudantes que possuem passaporte italiano.
A primeira parte do programa High School prevê um curso intensivo preparatório do idioma para melhorar suas aptidões no italiano, para que você tenha um melhor rendimento escolar. Na Itália, a escola secundária é dividida em áreas: clássica, científica, artística, linguística, técnica comercial e de turismo.

 

Nova Zelândia

A Nova Zelândia é a casa dos amantes de esportes radicais e o que não falta é opção: surf, snowboard, bungee-jump, mountain bike e um visual alucinante com geleiras, cachoeiras e vulcões. O país tem desenvolvido a reputação de destino preferencial de estudantes do mundo todo, pois conta com locais atraentes e um sistema educacional de classe mundial. Cidades seguras e sofisticadas e natureza preservada fazem da Nova Zelândia um verdadeiro paraíso.
O país possui uma educação de alta qualidade. O programa de High School é feito em escolas públicas ou particulares de 11 cidades, incluindo grandes centros como Auckland e Christchurch. O aluno estrangeiro recebe apoio de um coordenador local para que a estada seja a mais tranquila possível.

 

Suíça

Um dos países mais ricos do mundo, a Suíça tem também muita diversidade cultural, turística e de paisagens. Procurada por estudantes de todo o mundo por sua excelência acadêmica, a Suíça tem um programa de ensino que prepara estudantes para as melhores universidades do planeta. A localização privilegiada na Europa, com vizinhos como Alemanha, França, Áustria e Itália faz da Suíça um destino muito atrativo para quem quer conhecer mais da cultura e dos costumes europeus.
Uma das principais filosofias das escolas é promover a diversidade cultural, oferecendo a cada estudante, de qualquer nacionalidade, cultura e raça, a oportunidade de desenvolver seu próprio potencial.

Nenhum comentário:

id='comment-post-message'>

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...