Buço - O que fazer para clarea-los

Nada pior que uma mulher com bigodes, não é nada feminino. Mas infelizmente muitas mulheres sofrem com os pelinhos que nascem e parece mesmo um bigode, o buço como é conhecido, é um inimigo da beleza feminina.

Veja neste post o que mais agride a pele e o que faz com que esses pelinhos aparecem, conheça alguns métodos alternativos para prevenir e acabar e clarear essa região da pele.

 

Os efeitos do sol

Como se já não fosse castigo o suficiente conviver com uma mancha no buço, tomar sol pode piorar ainda mais a marca. Mas, calma, você não precisa ficar trancada entre quatro paredes! Siga o nosso guia, curta o sol sem culpa e sem correr o risco de que a mancha apareça (ou escureça, se ela já estiver lá).

Depois dos 30, a uma pequena probabilidade da pele se rebelar e, em vez de ficar bronzeada, acabada toda manchada quando toma sol. O quadro só piora quando uma mancha já se instalou no rosto. Estamos falando do melasma, uma marca de tom castanho que escurece principalmente o buço (mas também pode aparecer nas maçãs do rosto) de um número cada vez mais expressivo de mulheres.

Apesar do uso de hormônios contraceptivos e da gravidez serem fatores que colaboram para o aparecimento do melasma, a exposição solar intensa é, sem dúvida, o maior gatilho para o surgimento ou agravamento do problema, segundo dermatologistas.

Existem estudos que apontam uma piora de até 50% com a exposição solar. Por isso, proteger-se do sol (e não fugir dele) é a sua arma.

Veja a seguir dez recomendações – da escolha do protetor solar certo para quem tem manchas a suplementos orais que combatem os danos do sol – para você não sofrer com as consequências do verão.

1. No rosto, é lei: FPS abaixo de 30 jamais! Apesar do fator 60 não proteger o dobro do 30 (a proteção aumenta apenas alguns pontos porcentuais), os dermatologistas acreditam que vale, sim, recorrer ao FPS alto. Isso porque não passamos a quantidade recomendada nem reaplicamos do modo que deveríamos como é feito no controle em laboratório.

2. O produto escolhido também precisa ter ação contra raios UVA, a radiação responsável pelo envelhecimento e, consequentemente, pelo aparecimento das manchas. Confira na embalagem.

3. Ativos antioxidantes agregados ao filtro solar também ajudam. É o caso da soja, do chá verde, da vitamina E, do coffeeberry e do extrato da planta Polytomas leucotomas (São substâncias que diminuem os efeitos danosos do sol, sejam por seu efeito anti-inflamatório ou por combater os radicais livres). Também verifique esse benefício na embalagem.

4. Escolha um protetor com tom de base. Está provado que o filtro com cor protege melhor contra a luz visível, um tipo de radiação do sol e de fontes artificiais, como o monitor do computador, que piora a mancha. De quebra, a tonalidade ainda disfarça o problema.

5. Use um pó ou base por cima do filtro solar. Alguns já vêm com FPS. Eles também funcionam como uma barreira física contra os raios UVA, UVB e luz visível e camuflam a mancha caso você tenha optado por um protetor sem cor.

6. Reaplique o protetor a cada hora, principalmente no buço. Transpiramos mais nessa área. Também podemos remover o produto passando a língua pelos lábios, bebendo água ou comendo alguma coisinha. E isso não vale só para quando estiver na praia mas também no parque e até em lugares fechados. Fique esperta!

7. Faça do chapéu outro aliado contra os raios solares. Os produtos com FPS barram grande parte da radiação, mas o pouco que eles não protegem – algo ao redor dos 5% nos fatores mais altos – é o suficiente para escurecer o melasma. Em vez de boné, que tem aba curta, opte por um modelo maior (com aba circular) para fazer sombra até o queixo. É seguro e chique!

8. Lance mão dos protetores orais, suplementos alimentares que complementam a ação dos cremes. São cápsulas com ação antioxidante que protegem as células dos raios solares, diminuindo a produção de melanina, pigmento que causa a mancha.

Elas combinam substâncias que agem a favor da pele de forma geral, melhorando rugas, firmeza e manchas. Também é possível manipular um comprimido personalizado. Uma boa sugestão é ingerir 25 miligramas de pycnogenol, o extrato de uma planta, três vezes ao dia.

9. Também existem suplementos para clarear as manchas. Eles ajudam não só a prevenir o problema, mas também funcionam como bons coadjuvantes dos cosméticos, pois são poderosos despigmentantes. É o caso dos ômegas 3 e 6 e do extrato de ácido elágico, extraído da romã. Essas substâncias também podem ser manipuladas na forma de comprido.

10. Depile o buço cinco dias antes de tomar sol. Qualquer método que arranca o pelo pela raiz (cera quente, fria e linha) vai irritar a área. E, apesar de não ter nenhuma lesão aparente, pode haver uma inflamação. Assim, a pele fica mais predisposta a manchar. Algumas mulheres se beneficiam com os cremes depilatórios para o rosto. Experimente, mas, primeiro, faça o teste de sensibilidade.

 

Para clarear o buço

Para clarear essa mancha, você pode usar um creme da Avon Solutions - Creme Facial Clareador durante à noite. E durante o dia bloqueador solar fator 30, três vezes.

Para o rosto, uma das alternativas é clarea-los: - faça um chá de marselha bem concentrado, - adicione 20 gotas de água oxigenada 10 volumes, e com um algodão passe a mistura na região à ser clareada e aguarde por 20 minutos, após lavar com água morna.

 

Banho de lua

Quem não gosta dos pelos escuros, pode usar a técnica do clareamento caseiro e ficar com os pelos clarinhos e loiros em apenas 20 minutos! Basta misturar água oxigenada e pó clareador. O clareamento caseiro tornou-se chique nos últimos anos, e as clínicas de estética e os salões de beleza passaram a chamar esse procedimento tão comum para as mulheres brasileiras de “banho de lua”.

Na prática, o procedimento caseiro e o das clínicas e salões é o mesmo, só o preço que é bem diferente! Então, siga essas dicas e faça o clareamento dos seus pelos em casa, e sem gastar quase nada.

Você vai precisar de:

  • água oxigenada 30 volumes
  • pó clareador
  • um pote de plástico
  • uma espátula ou colher de plástico para mexer a mistura
  • um pincel de tintura para espalhar o creme pelo corpo, se preferir

Como fazer:

  • Misture a água oxigenada e o pó clareador na mesma proporção em um potinho plástico. Mexa bem!
  • Espalhe a mistura na área a ser clareada (pernas, braços, buço, virilha, barriga, etc) com a ajuda de um pincel.
  • Deixe agir por 20 a 30 minutos, tome um banho e hidrate bem a pele.
  • Se sentir alguma irritação na pele, antes do banho aplique chá de camomila gelado, ou algum gel de hidratação para o corpo.

Não se esqueça de fazer o clareamento também no verão. A pele bronzeada fica ainda mais linda com os pelos loirinhos!

 

Depilação

Existem varias maneiras de acabar com esse bigodinho indesejado, mas todas as formas exigem de você um pouco de cuidado, por se tratar de uma área muito delicada o segredo para uma boa depilação é escolher aquela que menos agrida sua pele.

A velha e boa cera ainda é um dos métodos mais eficazes de fazer a depilação. Não deve ser nem fria (não abre os poros, e arranca os pelos com os poros fechados, agredindo a região), nem quente (pode causar queimaduras), procure deixar a cera morna, pois não tem risco de queimadura e a pele fica relaxada.

Diminuindo a dor da depilação - Por se tratar de uma região muito sensível, o processo de depilação tende a ser um pouco doloroso. Depois de fazer a depilação você  pode fazer uma compressa com chá de camomila gelado. Como a camomila tem efeito calmante, vai aliviar a sensação de ardor. Após a depilação é comum que a região fique avermelhada por um ou dois dias.

Atenção mulherada, raspar o buço com lâmina nem pensar. Ao raspar o buço com gilete, o pelo fica muito mais duro, e depois ficará espetando. E o pior cresce muito mais rápido, é necessário raspar todo dia. A lâmina faz uma esfoliação da pele, e deixando-a ainda mais propícia ao aparecimento de manchas. 

Clareando o Buço - Outra forma de se livra do buço é clarear os pelinhos com uso de descolorantes. Mas essa só é uma boa opção para mulheres que tem uma quantidade muito pequena de pelos, senão não adianta nada descolorir. Se optar por esse método cuidado com reações alérgicas causadas pelos produtos descolorantes, e cuidado para não ingerir nenhuma o produto já que se trata de uma área muito próxima a boca.

 

 

Preços e métodos

Se você não quer arriscar então pode fazer a depilação nos salões, o custo é entre  R$8,00 e R$15,00 e você pode fazer a cada quinze dias. Algumas mulheres optam por usar os depiladores eletrônicos, mas dependendo do local e da prática da pessoa, pode ser um pouco doloroso. Também já está disponível no mercado a depilação definitiva para o buço, mas o preço é um pouco mais salgado, em torno de R$150,00 a R$200,00 por sessão (cada pessoa precisa de pelo menos três sessões, mas pode ser mais) e precisa fazer a manutenção depois de um ano.

 

Cuidados após a depilação

Independente da forma que você escolher pra depilar o buço, você deve ter alguns cuidados pós-depilação. Quando você arrancar os pelos com cera ou com pinça, a área fica um pouco inflamada, e a pele libera uma quantidade maior de melanina. Se você ficar exposta ao sol, isso vai gerar uma espécie de tatuagem, ou uma marca fixa, às vezes pior que o próprio bigode. Pra evitar que as manchas apareçam o melhor é usar um protetor solar na região depilada logo em seguida, embora você não vá ficar exposta ao sol, não vale à pena correr o risco.

Nenhum comentário:

id='comment-post-message'>

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...