Notícias Bizarras do Mundo - Parte 6


A britânica Emer O'Toole, de 28 anos, decidiu deixar os pelos crescerem para ver se ela gosta deles e estudar como as pessoas reagem a eles. Resultado: ela não se depila há 18 meses!

A pesquisadora foi convidada do programa "This Morning", da TV do Reino Unido. Os pelos estão bem visíveis nas axilas e nas pernas.
O apresentador do canal ITV1 Eamonn Holmes ficou boquiaberto!
"Comecei a examinar a minha relação com a beleza e com o meu corpo. Por que tenho que me depilar?"
questionou a britânica, cujas amigas, incluindo brasileiras, não abrem mão do laser na depilação.



Autoridades proíbem venda de sorvete feito com leite materno


Uma sorveteria de Londres (Inglaterra) foi obrigada pelas autoridades a parar de vender um sabor de sorvete feito com leite materno. O Baby Gaga - batizado em homenagem à excêntrica cantora Lady Gaga - leva leite materno, baunilha e essência de limão.
Segundo o jonal “Daily Express”, qualquer alimento feito à base de leite materno pode ser um risco à saúde pública, pois pode transmitir viroses e até mesmo hepatite. Matt O'Connor, o dono da sorveteria, rebateu dizendo que o material é testado antes de ser utilizado como matéria-prima e que seus clientes adoraram o novo sabor do sorvete.
“Nós fazemos os mesmos testes que um banco de leite faz antes de liberar o material para o consumo”
garantiu Matt. O Baby Gaga ficou à venda somente por uma semana e um copinho com uma bolinha custava 14 libras, ou seja, o equivalente a 45 reais.


Jacaré rouba bola de futebol e interrompe partida nos EUA


Uma partida de futebol entre crianças na Carolina do Norte, Estados Unidos, teve uma pausa forçada. Isso porque um jacaré de 4 metros de comprimento roubou a bola do jogo, e é claro que ninguém ousou pedi-la de volta.
Tivemos que encontrar outra bola, digamos assim
brinca Trevor Garbett, técnico do time. Joe Maffo, que trabalha na Administração de Animais da Carolina do Sul, passou dois dias tentando capturar o jacaré em um lago próximo ao campo.
Ele só estava querendo jogar um pouco de futebol
diverte-se Maffo.


Segundo o “Herald Online”, após a captura do bicho foram encontrados e retirados do animal 53 iscas de pesca, outros artigos esportivos e um jacaré menor dentro do animal. Maffo garante que o réptil não é agressivo. Ainda assim, de acordo com as leis estaduais, ele será removido do lago e provavelmente morto, por causa do tamanho.
É um macho extremamente grande. Não podemos manter um jacaré desse tamanho em um parque, com todas as crianças ao redor
acrescentou. A bola de futebol foi devolvida ao time de crianças, com algumas marcas de mordida, é claro. A equipe só não sabe ainda se vai fazer dela um troféu, ou se vai colocar no jogo novamente.


Americano é multado por salvar filho e deixar carro cair

O americano Frank Roder não pensou duas vezes ao ver seu filho Aidan, de 5 anos, correndo para um penhasco em Rahway River Park, em Nova Jersey: largou o jipe que dirigia e correu atrás do menino.
Assim que paramos, ele simplesmente pulou para fora do carro, sem pedir, sem dizer nada. Eu só conseguia imaginar ele caindo
disse o pai para a “Fox News”.


Só que o carro foi parar dentro de um rio e resgatado depois por policiais que, não se importando com a situação, multaram Roder, em R$ 121, por não ter utilizado o freio corretamente e por não ter mostrado a carteira de habilitação, que estava dentro do veículo. Frank Roder questionou as multas, mas o policial disse que iria investigar, porque não tinha como saber se ele havia feito isso de propósito.
Eu não acreditei no que ouvi
disse Roder, que continuou:
O policial ainda disse para mim: ‘se você tivesse tomado cinco segundos para puxar o freio isso nunca teria acontecido!’ e eu respondi ‘sério? E se eu tivesse feito isso e o meu filho tivesse caído no lugar do jipe?’ O policial respondeu que eu seria preso por abuso infantil.

Estudantes criam escultura de 4,5 metros com goma de mascar


Alunos de duas escolas de artes na Holanda reuniram os chicletes mastigados que seriam colados embaixo de mesas e cadeiras, para fazer uma escultura de 4,5 metros. Mais de 3 mil estudantes mastigaram gomas de mascar para construir a peça.
Os jovens não deixaram os chicletes em cadeiras e mesas, mas usaram para criar o próprio trabalho artístico
disse Jurian Strik, porta-voz da agência responsável pelo projeto. A escultura pode levar até cinco anos para se degradar, e ainda deixa um cheirinho de chiclete no ambiente. A peça será exposta em um festival na cidade de Eindhoven, na Holanda.


Artista cria vaso sanitário com 17 quilos de chocolate e pretende vender por mais de R$ 9 mil
 

A artista Sarah Page construiu um vaso sanitário todo feito de chocolate ao leite. A britânica da cidade de Brighton, Inglaterra, usou um molde de silicone e 17 quilos de chocolate para produzir a peça. A delícia será exibida na Towner Gallery, na cidade de Eastbourne, Inglaterra, onde Sarah pretende vendê-la por mais de R$ 9 mil.
A obra, intitulada de Narcissus, “é um elemento de dissonância cognitiva”, segundo a artista.
Eu tenho muito interesse em questões que envolvem o corpo e processos corporais. Também tenho interesse em quando você está sozinho, consigo mesmo, em um momento animal. Os acessórios do banheiro representam isso para mim e são um ritual. Mas são também considerados um luxo quando separamos o homem do animal
explicou Sarah.
E aí? Encara uma mordida nesse vaso sanitário?


Homem constroi tanque de guerra em tamanho real com 5 mil caixas de ovos


Os tanques de guerra são conhecidos pela sua capacidade de blindagem pesada, não é esse o caso da obra criada pelo escultor Stuart Murdoch. O artista usou 5.016 caixas de ovos para construir o veículo de combate em tamanho real. Mas o papelão das caixas não resiste nem a uma chuvinha mais forte.
O Challenger II levou 512 horas para ser feito. Ao todo, Stuart usou 26 litros de cola, 15 litros de tinta, 10.100 pregos, 80 metros quadrados de aço e 5.013 grampos. Tanto trabalho não é em vão. O objetivo do escultor é arrecadar fundos para a instituição britânica de veteranos de guerra Help for Heroes.


Americana pretende se tornar a mulher mais gorda do mundo


Susanne Eman, de 32 anos, pesa 320 quilos e ingere pelo menos 20 mil calorias por dia. Com a dieta nada restritiva, ela pretende ultrapassar os 360 quilos até o final do ano. Mas a missão da americana vai além. A ideia é atingir a incrível marca de 730 quilos e quebrar o recorde mundial. Ela acredita que já conseguiu bater Donna Simpson, que foi considerada a mãe mais gorda do mundo, com 317 quilos.


Para isso, Susanne não poupa esforços. Ela visita o supermercado uma vez por mês, com os filhos Gabriel, de 16 anos, e Brandin, de 12. A ajuda dos meninos é essencial, já que Susanne passa oito horas enchendo seis carrinhos de compras.
“É como um dia cheio de trabalho”
conta ela, que usa um carrinho motorizado e acredita que está saudável.
“Eu adoraria saber se é humanamente possível alcançar uma tonelada”
revelou ela ao jornal “Daily Mail”. Para a americana, quanto mais gorda, melhor.
“Quanto maior eu fico, melhor me sinto. Eu me sinto mais confiante e sexy. Por que eu não deveria quebrar os limites e ver o quanto eu posso ficar gorda e me manter saudável?”
indaga ela. Mas a vontade de engordar de Susanne tem uma explicação.
“Dois anos atrás eu cheguei aos 222 quilos porque eu estava perdendo a batalha contra o excesso de peso”
conta ela. A mulher garante que começou a atrair mais homens quando engordou, então parou de tentar emagrecer.


Susanne não pode trabalhar por causa do excesso de peso. Mas segundo ela, permanece ativa, faz exercícios simples e exames regulares.
“Se eu ficasse doente, pediria a minha irmã para cuidar das minhas crianças”
explica. A americana afirma que se preocupa com o futuro dos filhos, que notam que ela come mais a cada dia.
“Eu digo a eles que todo mundo gosta de coisas diferentes. Se eu estou fazendo alguma coisa gordurosa, e eles querem algo saudável, então eu faço duas refeições”
diz ela.


Aposentada de 80 anos escorrega de paraquedas durante salto e fica pendurada pelas pernas


Uma aposentada de 80 anos decidiu saltar de paraquedas na Califórnia, Estados Unidos. Na hora “H”, a mulher identificada apenas como Laverne, desistiu da ousadia. Ela já estava na porta do avião, pronta para o salto, então ganhou um “empurrãozinho” do instrutor.
Na queda, o cinto de Laverne se soltou, e ela escorregou da posição em que estava. A aposentada ficou pendurada pelas pernas, caindo a 200 km/h, enquanto o instrutor tentava, desesperado, mantê-la relativamente segura.
O paraquedista que filmava o salto ainda tenta ajudar a mulher a voltar à posição ideal, mas sem sucesso. A aposentada conseguiu fazer o pouso sem se ferir. O instrutor ficou em choque, e precisou ser consolado por uma colega.
Antes de subir no avião, Laverne disse que estava planejando o salto há pelo menos uma década.
Estou muito empolgada!
O diretor técnico da Associação de Paraquedistas Britânicos afirmou que, naquela situação, a aposentada poderia ter caído com facilidade.
Ela estava bem perto de escorregar
enfatizou.


Mulher tenta se jogar da janela, mas é resgatada por amigos na Inglaterra


Uma mulher de 25 anos tentou se jogar do terceiro andar de um hotel na cidade de Bromley, na Inglaterra, e foi salva por amigos. A tentativa de suicídio foi registrada por Mike Broadfoot, outro hóspede. Mike estava saindo da cama, por volta das 9h50, quando ouviu gritos.
Eu ouvi os gritos e vi a mulher pendurada na janela. Ela estava seminua, e o namorado a segurava. A vida dela estava por um fio
lembrou Mike.
O serviço de emergência chegou ao local e levou a jovem para avaliações médicas. Segundo uma porta-voz da polícia local, é possível que ela esteja sofrendo de problemas psicológicos.


Motorista de ônibus escolar desmaia no volante e menino de 13 anos evita acidente nos EUA


Um menino de 13 anos não pensou duas vezes e se atirou no volante de um ônibus escolar, para tomar o controle do veículo, depois que o motorista desmaiou. Jeremy Wuitschick, da cidade de Milton, nos Estados Unidos, salvou a própria vida e a de 15 outras crianças.
O grupo estava a caminho da escola, quando Jeremy percebeu que havia algo errado com o motorista. O homem estava fazendo um barulho estranho, segundo o adolescente, como se estivesse sufocando. De repente, o ônibus começou a perder a direção.
Eu fui para cima, agarrei o volante, virei para a direita e tirei as chaves da ignição
contou o adolescente.
Eu estava muito assustado
acrescentou.
Enquanto tentava controlar o veículo, Jeremy pediu que algum colega ligasse para o serviço de emergência. Por sorte, outro estudante, Johnny Wood, sabia técnicas de primeiros socorros e começou a comprimir o peito do motorista, para tentar ressuscitá-lo.
Eu estava agindo por instinto. Tudo aconteceu muito rápido e não foi como nos filmes
relembrou Jeremy, em entrevista à televisão Komo News.
O motorista foi levado ao hospital, em estado grave. As autoridades locais pretendem recompensar o adolescente pela atitude.


Casal de pinguim gay ganha ovo para cuidar



Toda primavera, nos últimos seis anos, os pinguins Inca e Rayas constroem um ninho juntos na esperança de que os ovos cheguem. O problema é que os dois animais são do sexo masculino e por isso, a frustração de ver os outros ninhos com filhotes e o deles vazio se repete a cada ano. Mas dessa vez o final deve ser feliz para os dois. Já que os responsáveis por eles colocaram um ovo para o casal cuidar.
O pinguim Inca não perdeu tempo, assumiu o papel feminino da relação e está incubando o ovo, se recusando a sair de cima dele para fazer qualquer coisa. Enquanto isso, Rayas faz a segurança do ninho e come tudo o que vê pela frente até encher o bico, se preparando para o trabalho masculino de alimentar os filhotes com peixes regurgitados.
Nós queríamos fazer alguma coisa para que os pinguins ficassem juntos, por isso conseguimos o ovo. Caso contrário eles poderiam ficar deprimidos
disse Yolanda Martin, uma das responsáveis pelo casal, ao jornal “The Telegraph”.
A relação dos dois animais começou quando eles se conheceram em Faunia Park, em Madrid, e desde então ficaram inseparáveis.


Inglês cego foi multado por não limpar a sujeira do seu cão guia



Ian Bradwell, de 46 anos, que é deficiente visual, ficou surpreso quando foi obrigado por agentes do parque onde passeava, em Leicester, na Inglaterra, a pagar 80 libras, cerca de R$ 240, porque não limpou a sujeira do seu cão guia. Pela regra ele seria isento da taxa.
É ridículo. Tudo parece um pouco bobo. Pelo visto o bom senso está em falta. Ter um cão guia, por si só, significa que você tem uma deficiência visual, mas eles queriam mais provas
reclamou Ian ao jornal “The Sun”.
O inglês perdeu a visão aos 17 anos, mas foi registrado como cego somente alguns anos depois. Ele não vê nada com seu olho direito e com o esquerdo só consegue saber se é dia ou noite.
Eu estava andando com Lona quando um guarda veio até mim e perguntou se eu tinha visto que meu cachorro tinha sujado o chão. Me desculpei e expliquei que era deficiente visual, mas pedi um saco para voltar ao local e pegar. Mesmo assim, ele pegou o talão e me deu a multa
explicou Ian, que foi multado pela primeira vez em 11 anos com cão guia. A multa foi retirada depois que uma ONG fez uma reclamação.


Menina de 4 anos é obrigada a casar com cachorro para se livrar do demônio na Índia



Uma menina de 4 anos foi obrigada a se casar. E com um noivo pouco convencional: um cachorro. Sem escolha, Anju Karmakar se uniu ao animal durante uma cerimônia em Bengala, na Índia Oriental.
Segundo o site "El Universal", o casório foi parte de um ritual realizado pelos pais da noiva para salvá-la do demônio. Eles acreditam que o "coisa ruim" ficará confuso, pensando que a menina também é um animal e, assim, não irá chegar perto dela, nem da família.


Foi o pai de Karmakar que preparou a celebração, onde o cachorro, chamado Bullet, fez parte do plano de enganar o demônio. Mas a menina não está condenada a ser fiel ao marido. Mesmo casada, Karmakar poderá se casar no futuro com um homem qualquer, sem que seja preciso se divorciar de Bullet. 


Na Inglaterra, cachorro liga para emergência e salva a própria vida



George, um Basset Hound de dois anos, foi brincar em casa e acabou com os fios do telefone enroscados no pescoço. Desesperado, sem saber o que fazer, o cachorro começou a se debater e, sem querer, ligou para o número 999, que é o de emergência em West Yorkshire, Inglaterra.
O atendente localizou de onde estava sendo feita a chamada e avisou à polícia, que foi imediatamente para a casa do instrutor Steve Brown e de Lydia, filha dele, onde o cão mora. Os policiais estavam quase derrubando a porta, quando Paul, um amigo da família que mora perto, chegou com a chave e os ajudou a entrar.


Quatro agentes começaram a correr pela casa, pensando que estava acontecendo algo de mais grave, mas logo depois o vizinho achou George todo enrolado nos fios, quase morrendo de asfixia. Foi quando Paul arrancou tudo, inclusive o telefone, para salvar o cachorro.
Os policiais se separaram e correram pela casa pensando que alguém tinha sido atacado ou estava passando mal. Enquanto isso, eu também fui dar uma olhada e achei George enforcado. Ele estava muito assustado e não conseguia se libertar
explicou Paul. De acordo com o jornal "The Sun", quando viram o que estava acontecendo, os próprios agentes começaram a rir.
Eles me disseram que tinham sido enviados por causa de uma chamada de emergência, na qual o operador só conseguia ouvir uma respiração pesada e ofegante
disse Paul.
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...