Seleção de Piadas de Baiano

Três horas da tarde. Dois baianos encostados numa árvore à beira da estrada. Passa um carro a grande velocidade e deixa voar uma nota de cem reais,mas o dinheiro vai cair do outro lado da estrada. Passados cinco minutos, um fala para o outro:

- Rapaz , se o vento muda, a xente ganha o dia...

 

Servindo à Pátria

Dois baianos que eram primos vão servir o exército. São entrevistados pelo sargento, que pergunta ao primeiro:

— Qual o seu nome?

— É Tonho, meu rei.

— Negativo. De agora em diante você será Antônio. E o que você está fazendo aqui?

— Tô dando um tempo.

— Negativo. Você está servindo à Pátria.

E apontando para a bandeira, pergunta:

— E o que é aquilo?

— É a bandeira.

— Negativo. De agora em diante ela é a sua mãe.

Vira-se para o segundo primo, e pergunta:

— Qual o seu nome?

— Pedro.

— E o que você está fazendo aqui?

— Servindo à Pátria.

— E o que é aquilo? (apontando para a bandeira).

— É minha tia, mãe do Tonho.

 

Picada de Cobra

Um baiano deitado na rede pergunta para o amigo:

- Meu rei… tem aí remédio pra picada de cobra?

- Tem. Por que, você foi picado?

- Não, mas tem uma cobra vindo na minha direção!

 

Será que tá chovendo?

Dois baianos estirados nas redes estendidas na sala:

— Oxente, será que tá chovendo?

— Sei não, meu rei.

— Vai lá fora e dá uma olhada.

— Vai você.

— Vou não, tô cansadão.

— Então, chame nosso cão.

— Oxente, chame você.

— Ô Fernando Afonso!

O cachorro que também é baiano, entra na sala, pára e deita-se de costas para os dois.

— E então, meu rei, tá chovendo?

— Tá não. O cão tá sequinho.

 

Assalto ao banco

Quatro baianos assaltam um banco e param o carro uns quilômetros à frente. Um deles pergunta ao chefe da quadrilha:

— E aí, meu rei: Vamos contar o dinheiro?

— E pra que esse trabalhão? Vamos esperar o noticiário da TV.

 

Relógio que diz as horas

A mãe do baiano vai viajar pro exterior, e pergunta ao filho:

— Quer que mãinha lhe traga alguma coisa da viagem, meu dengo?

— Ô, minha mãe. Por favor, me traga um relógio que diz as horas.

— Ué, meu cheiro. E o seu não diz não?

— Diz não, mãinha. Eu tenho de olhar nele pra saber.

 

Pomada pra queimadura

O baiano deitadão na varanda:

— Ô mãinha, a gente temos aí pomada pra queimadura de taturana?

— Por quê, meu dengo? Uma taturana encostou em ti?

— Ainda não, mas ela tá cada vez mais perto.

 

Mandamentos de trabalho na Bahia

1. Viva para descansar.

2. Ame a sua cama, ela é o seu templo.

3. Se vir alguém descansando, ajude-o.

4. Descanse de dia para poder dormir à noite.

5. O trabalho é sagrado, não toque nele.

6. Nunca faça amanhã o que você pode fazer depois de amanhã.

7. Trabalhe o menos possível; o que tiver para ser feito, deixe que outra pessoa faça.

8. Calma, nunca ninguém morreu por descansar, mas você pode se machucar trabalhando.

9. Quando sentir desejo de trabalhar, sente-se e espere que ele passe.

10. Não se esqueça, trabalho é saúde. Deixe o seu para os doentes.

Finalmente, lembre-se do ditado: Quem trabalha muito, erra muito; quem trabalha pouco, erra pouco. Quem não trabalha não erra; quem não erra é promovido.

 

Jesus Cristo!

Estavam um carioca, um paulista e um baiano no boteco do Mercado Modelo, quando o carioca diz aos outros:

— Mermão, esse cara que entrou aí é igual a Jesus Cristo.

— Tás brincando! – dizem os outros.

— Tô te falando! A barba, a túnica, o olhar...

O carioca levanta-se, dirige-se ao homem e pergunta:

— Mermão, digo, Senhor, tu é Jesus Cristo, não é verdade?

— Eu? Que idéia!

— Eu acho que sim. Aí, tu é Jesus Cristo!

— Já disse que não! Mas fale mais baixo.

— Pô, eu sei que tu é Jesus Cristo.

E tanto insiste, que o homem lhe diz baixinho:

— Sou efetivamente Jesus Cristo, mas fale baixo e não diga a ninguém, senão isto aqui vira um pandemônio.

— Mas eu tenho uma lesão no joelho desde pequeno. Me cura aí, brother, digo, Senhor!

— Milagres não, pelo amor de Papai. Tu vais contar aos teus amigos, e eu passo a tarde fazendo milagres.

O carioca tanto insiste, que Jesus Cristo põe a mão sobre o joelho dele e o cura.

— Valeu, viu! Ficarei eternamente grato!

— Sim, sim, mas não grite! Vá embora e não conte a ninguém.

Logo em seguida chega o paulista.

— Aí, ô meu! O meu amigo disse-me que és Jesus Cristo, e que o curaste. Tenho um olho de vidro, cura-me também!

— Não sou Jesus Cristo! Mas fale baixo.

O paulista tanto insistiu, que Jesus Cristo passou-lhe a mão pelos olhos e curou-o.

— Ô lôco, meu! Obrigado mesmo!

— Agora vá embora e não conte a ninguém.

Mas Jesus Cristo bem o viu contando a história aos outros dois, e ficou à espera de ver o baiano ir ter com ele. O tempo foi passando, e nada. Mordido pela curiosidade, dirigiu-se à mesa dos três amigos, e pondo a mão sobre o ombro do baiano, perguntou:

— E tu, não queres que...

O baiano levanta-se de um salto, afastando-se dele:

— Aê, meu rei! Tira as mãozinhas de mim, que eu ainda tenho seis meses de licença médica!

 

Pecados capitais

Um paulista, trabalhando pesado, suado, terno e gravata, vê um baiano deitado numa rede, na maior folga. O paulista não resiste, e pergunta:

— Você sabia que a preguiça é um dos sete pecados capitais?

E o baiano, sem se mexer, responde:

— A inveja também!

 

Terremoto no Nordeste

Depois dos terremotos ocorridos na Ásia, o governo brasileiro resolveu instalar um sistema de medição e controle de abalos sísmicos, que cobre todo o País. O recém-criado Centro Sísmico Nacional, poucos dias após entrar em funcionamento, detectou que haveria um grande terremoto no Nordeste.

Enviou um telegrama à delegacia de polícia de Icó, uma cidadezinha no interior do Ceará:

"Urgente. Possível movimento sísmico na zona. Muito perigoso. Richter 7. Epicentro a 3 km da cidade. Tomem medidas e informem resultados com urgência".

Somente uma semana depois, o Centro Sísmico recebeu o seguinte telegrama:

"Aqui é da Polícia de Icó. Movimento sísmico totalmente desarticulado. Richter tentou se evadir, mas foi abatido a tiros. Desativamos as zonas, e todas as putas estão presas. Epicentro, Epifânio, Epicleison e os outros cinco irmãos estão detidos. Não respondemos antes porque houve um terremoto desgraçado aqui".

 

Baiano empregado

Um baiano arrumou um emprego de carregador de tijolos. Passada uma hora de serviço o capataz chama sua atenção:

— Escuta aqui, Josimar! Os outros encarregados levam oito tijolos de cada vez pra construção. Como é que você só leva um?

— Oxente... Acho que os outros devem de ter é preguiça de andar oito vezes!

 

Perseguição

Dois baianos estavam andando na floresta quando um deles pega o facão e vapt, corta a cabeça de uma lesma. O outro pergunta:

— Ô meu rei, por que você cortou a cabeça da bichinha, hein?

Ele respondeu:

— Percebeu não foi? Ela tava seguindo a gente tem mais de duas horas...

 

Tour pelo Brasil

Um trem com 4 passageiros vai fazer um tour por todo Brasil, e esse passageiros eram um gaúcho, um mineiro, um paulista e um baiano. Quando o trem passava pela sua cidade eles jogavam algo típico de seu estado para fora do trem.

Primeiro passa o gaúcho pelo Rio Grande do Sul ele joga um chimarrão para fora e diz:

— De onde eu venho é cheio disto.

O trem continua seguindo e passa por Minas o mineiro joga o queijo que diz:

— De onde venho tem um monte desses.

Chegando na Bahia o baiano joga um acarajé para fora e diz:

— De onde venho tem um monte desses.

O paulista quando chega em São Paulo ele olha para os lados pega o baiano pelo colarinho joga para fora do trem e diz:

— De onde venho tem um montão desses.

 

Pinico

O Mineiro foi pra Bahia, e lá comeu um monte de coisa, vatapá, acarajé, etc. depois disso deu uma dor de barriga no mineiro, e chegando no banheiro tinha uma fila enorme, daí ele pensou:

- Desse jeito eu vou fazer tudo nas calças...

E lá foi o mineiro em busca de um banheiro, não encontrou, mas achou uma loja aberta e perguntou o seguinte:

- Tem Pinico pra vender ???

E o dono da loja diz:

- O que é pinico ???

- É uma bacia esmaltada que se usa para fazer necessidades..

- Aqui não tem nenhum desses..

E o mineiro saindo da loja avistou um e disse:

- Aquilo é pinico..

E o dono da loja:

- Aqui a gente conhece por mineirinho.. De que tamanho você quer ?? Pequeno, Médio ou Grande.

- Tanto faz, que caiba uma meia dúzia de baianos tá valendo..

 

Tipos de Assaltante

Assaltante Cearense:

Ei, bixim...

Isso é um assalto...

Arriba os braços e num se bula nem faça munganga...

Passa vexado o dinheiro senão eu planto a peixeira no teu bucho e boto teu fato pra fora...

Perdão meu Padim Ciço, mas é que eu tô com uma fome da moléstia...

 

Assaltante Mineiro:

Ô sô, prestenção...

Isso é um assartin, uai...

Levanto os braço e fica quetin que esse trem na minha mão tá cheio de bala...

Mió passá logo os trocados que eu num tô bão hoje...

Vai andando, uai, tá esperando o que, uai.

 

Assaltante Gaúcho:

O gurí, ficas atento...

Báh, isso é um assalto...

Levantas os braços e te aquieta, tchê!

Não tente nada e tome cuidado que esse facão corta que é uma barbaridade...tchê!

Passa os pilas prá cá!

E te manda a la cria, senão o quarenta e quatro fala!

 

Assaltante Carioca:

Seguiiiinnte, bicho...

Tu ta lascado, isso é um assalto...

Passa a grana e levanta os braços rapa...

Não fica de bobeira que eu atiro bem pra cacete...

Vai andando e se olhar pra trás vira presunto...

 

Assaltante Baiano:

Ô meu rei...(longa pausa)... isso é um assalto...

Levanta os braços, mas não se avexe não...

Se num quiser nem precisa levantar, pra num ficar cansado...

Vai passando a grana, bem devagarinho...

Num repara se o berro está sem bala, mas é pra não ficar muito pesado...

Não esquenta, meu irmãozinho, vou deixar teus documentos na próxima encruzilhada...

 

Assaltante Paulista:

Ôrra, meu... Isso é um assalto, cara...

Alevanta os braços, meu...

Passa a grana logo, ô meu...

Mais rápido,ô meu, que eu ainda preciso pegar a bilheteria aberta pa comprar o ingresso do jogo do Curintia, meu...

Pô, se manda, meu...

 

Assaltante Candango (Brasília):

Caro povo brasileiro, no final do mês, aumentaremos as seguintes tarifas energia, água, esgoto, gás, passagem de ônibus, iptu, ipva, lincenciamento de veículos, seguro obrigatório, gasolina, álcool, imposto de renda, IPI, ICMS,PIS, COFINS...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...