Raça de Cachorro - Poodle

Poodle (em francês: caniche e em alemão: pudeln) é uma raça canina oriunda da Alemanha (França, de acordo com a Federação Internacional de Cinofilia). É considerada a segunda raça mais inteligente do mundo, de acordo com a listagem elaborada por Stanley Coren.

 

História e Origem

Historicamente, foi uma raça criada para trabalhar na água, tendo uma de suas tosas elaborada para diminuir o atrito e proteger contra o frio em suas áreas mais delicadas, como as pernas e o tórax. Por tempos os franceses reivindicaram a criação da raça.

Todavia, referências mostram que sua origem é de fato alemã, embora tenha influenciado outras raças, como o barbet, de origem francesa. Em um rápido resumo do surgimento da raça, a FCI, no entanto, dá a França como nação criadora destes caninos.

No passado, esse animal serviu como excelente cão de busca. Na França este cão é chamado Caniche (Canard = pato) porque houve um tempo em que era considerado um excelente resgatador (que vai buscar a caça abatida e a traz para o seu dono) de aves selvagens aquáticas.

 

Características Físicas e Variedades da Raça

Fisicamente o tamanho do poodle variar entre o grande e o toy, tendo em seus exemplares maiores os mais bondosos, submissos e saudáveis, com a adenite sebácea sendo classificada como sua principal enfermidade.

As qualidades físicas do padrão standard o tornaram um bom cão de companhia para famílias que vivem em grandes áreas, como fazendas. As variantes menores - chamadas média ou miniatura e toy - existem desde dos idos de 1700, embora só tenham sido reconhecidas no século XX.

Em alguns países reconhecesse ainda a variante anã, embora para alguns isso não faça muito sentido, já que o animal não é desproporcional. Cruzamentos artificiais mal elaborados durante a década de 1950 geraram uma má fama para estes caninos diminutos, o que passou a decrescer com o passar dos anos.

Estas variações menores foram criadas para gerar cães de companhia cuja longevidade atinge os quase quinze anos, a maior, em média, entre todos os cães. Mais propenso a doenças que seu parente maior, pode sofrer com halitose, doenças periodontais, cegueira hereditária e catarata.

Em sua estrutura, o poodle varia entre os 32 e 2,5 kg, medindo de 25 cm a mais de 38. Sua pelagem apresenta variadas cores e pode ser encaracolada, cacheada ou ainda encordoada. Ao passo que o adestramento da variante standard é considerado fácil para donos inexperientes, o dos menores, apesar de também ser fácil devido a sua inteligência, mostra-se um pouco mais desafiador.

Entre os poodles mais famosos da sociedade humana estão os dançarinos das festas nos grandes salões promovidas pela aristocracia europeia no século XVI. Em 1787 ganharam de Beethoven a composição intitulada Elegia à Morte de um Poodle.

O Poodle é um cão anatomicamente bem constituído e muito gracioso, que se distingue também, pela sua característica tosa, que o diferencia de qualquer outra raça. Seus olhos, têm coloração marrom, âmbar escuro, ou preta.

Os olhos do poodle são levemente oblíquos, situados na altura do stop. As orelhas são longas e a cauda de inserção bastante alta. Na raça poodle, a pelagem do tipo crespa é abundante, de textura fina, lanosa, bem crespa, elástica e resistente a pressão da mão.

Já a pelagem do tipo encordoado é, também, abundante, de textura fina e espessa que forma cordõezinhos típicos e longos, não inferiores a 20 cm. As cores são o preto, branco, marrom, cinza e abricó. Os Poodles com menos de 25 cm são chamados de Micro.

Geralmente, em função do tamanho, tem a ossatura muito delicada e fogem das características exigidas no padrão da raça. A cabeça costuma ser grande e abobadada, os olhos redondos e proeminentes e a moleira aberta quando adulto.

Estas características podem torná-los animais fracos, propensos a fraturas e até à morte após uma simples queda.

 

Os Poodles, pelo sistema CBKC podem ter quatro tamanhos:

TOY - até 28 cm

ANÃO - de 28 a 35 cm

MÉDIO - de 35 a 45 cm

GRANDE - de 45 a 60 cm

 

Cortes Característicos

Apesar de possuir tamanhos variados entre o grande e o toy, a visível diferença reside também nos distintos cortes característicos e nomeados. Além desses, existem ainda tosas práticas, utilizadas para melhorar a qualidade de vida do cão dependendo da zona onde more:

 

A Tosa Carneirinho apresenta uma pelagem uniforme, além de formar um topete.

 

Na Tosa Filhote corta-se os pelos da face e dos dedos.

   
 

A Tosa Inglesa é comum em exemplares menores e de exposição.

 

A Tosa Leão é utilizada no padrão standard para cães de trabalho.

 

Personalidade e Características Comportamentais

É um cão, considerado por especialistas, dos mais inteligentes. É capaz de aprender com extrema facilidade, o que o tornou muito difundido em todo o mundo. Além dessas qualidades, deve-se levar em conta sua beleza e originalidade.

É um excelente companheiro. De linhas harmoniosas, o poodle possui aspecto inteligente, constantemente alerta e ativo. O poodle é famoso pela fidelidade, aptidão para o adestramento, obediência, o que faz dele um cão de companhia muito agradável.

Os poodles são bem brincalhões e inteligentes. Possuem agilidade nas atividades físicas. Adaptam-se muito bem em ambientes pequenos como, por exemplo, apartamentos. Não necessitam de grande quantidade de atividade física.

São carinhosos com o dono e pessoas conhecidas. Possuem o instinto de caça, podendo perseguir roedores, pássaros e outros animais de porte pequeno. Gostam e necessitam muito de companhia, principalmente do dono.

São extremamente criativos em suas atitudes. Em geral, são excelentes companhia para as crianças. Topam qualquer brincadeira sempre com muito entusiasmo. O Poodle movimenta-se com uma andadura leve e saltitante.

 

Criação de Poodles

Comprar um filhote de Poodle, de pequeno porte, não é coisa fácil. Normalmente ele cresce e transforma-se num cão bem maior que o desejado. Este problema é causado pela falta de informação quanto à criação correta da raça.

O correto é criar sempre Poodles de igual tamanho. Assim, os descendentes terão o mesmo porte dos pais. Essa regra, no entanto, só funciona se for seguida, no mínimo por 6 gerações. Visando apenas lucro, os criadores inescrupulosos cruzam exemplares de tamanhos diferentes com a intenção de produzir uma ninhada maior e de filhotes menores.

A receita deles é acasalar uma fêmea maiorzinha com um machinho bem menor. O resultado são mais filhos, mas de tamanhos imprevisíveis. Quem quer levar um Poodle para casa e não ter muitas surpresas com o seu tamanho, o melhor a fazer é verificar o tamanho dos pais.

O número de filhotes da ninhada também é um bom indicador. Normalmente o Toy dá em média de 2 a 3 filhotes; o Anão, de 4 a 6, o Médio de 7 a 10 e o grande de 9 a 14 filhotes. Porém, nada disso garante que o filhote será do tamanho desejado.

O certo mesmo é a honestidade do criador, por isso, o ideal é comprar filhotes apenas de criadores idôneos. Se você não conhecer nenhum canil peça a indicação no Kennel Clube mais próximo de sua cidade e se garanta legalmente, exigindo no contrato de compra e venda a descrição da variedade, caso ela não conste no pedigree.

 

Onde Comprar

O Poodle é uma raça muito popular e por isso, muito fácil de ser encontrado. Para comprar um Poodle você não precisará desembolsar muito. Eles são vendidos á partir de R$150,00. Você pode pesquisar nos Pet Shops de sua cidade ou mesmo na internet.

Veja a seguir, sites onde você pode encontrar Poodles á venda:

 

Canil Ágape

Veja no vídeo abaixo uma linda filhote de Poodle brincando. O vídeo é do Canil Ágape que criam várias raças de cães, inclusive o Poodle.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...