Os esportes mais populares no Brasil

No Brasil são praticados muitos esportes. O mais popular é o futebol. É muito difícil encontrar um brasileiro que não goste de futebol e não torça fanaticamente por um time. Porém existem sim outros esportes que são populares e muitos o preferem ao invés do futebol. Esportes como vôlei e artes maciais também são muito vistas entre os brasileiros. Á seguir você pode conferir e descobrir um pouco mais sobre esses esportes.

 

Futebol

O Brasil é uma das maiores potências do futebol mundial, destacando-se não só como o que detém a maior quantidade de prêmios, mas também o que mais exporta atletas para o exterior. Tendo conquistado a Copa do Mundo em cinco oportunidades, além de outros títulos importantes. É também detentor de diversas marcas históricas no esporte, além de ser a pátria de diversos grandes jogadores que fizeram história. Entre eles, o que é considerado o maior de todos os tempos: Pelé.

O futebol é sem sombra de dúvida o esporte mais praticado no Brasil. Apenas uma parcela bem pequena da população não torce por alguma equipe de futebol. O esporte tornou-se um elemento marcante da cultura nacional. Expressões como "chute", "pisar na bola" e outras são usadas em ocasiões que nada tem a ver com o futebol, e por pessoas que sequer acompanham ou praticam a modalidade.

O futebol chegou ao Brasil em 1895, pelas mãos dos ingleses, assim como na maioria dos outros países. Os primeiros clubes começaram a se formar neste período. Assim como a fundação dos clubes, a prática também era restrita à elite. Operários, as camadas mais pobres da população e até negros podiam apenas assistir. Somente algumas décadas depois todos puderam jogar. O quadro mudou totalmente de figura quando chegou a profissionalização em 1933. Alguns clubes, principalmente fora do então Distrito Federal e do estado de São Paulo, ainda resistiam à modernização e continuavam amadores. Mas com o passar do tempo, todos foram se acomodando à nova realidade. Na verdade, nem todos. Diversos clubes abandonaram a elite do futebol, ou até mesmo por completo. Muitos clubes que abandonaram já eram equipes consagradas e tradicionais.

 

Futebol de areia

O futebol de areia masculino foi promovido com a atuação de jogadores de futebol de campo jogando pela Seleção Brasileira de Futebol de areia Masculino. Assim, o país é tetracampeão do mundo pela FIFA. No entanto, o futebol de areia feminino não possui qualquer projeção. A primeira competição feminina do esporte no Brasil ocorreu antes da Copa Latina de Futebol de Areia de 2010 no Rio Quente Resorts, em Goiás. Envolvendo apenas quatro clubes, o Corinthians superou as equipes do Goiás, Botafogo e Gama.

 

Basquete

O Brasil é um dos países mais tradicionais no basquete mundial. Mas, no momento o esporte vem saindo de um longo período de grave crise. Mas no passado chegou a ser um dos melhores países do mundo na modalidade, e já possuiu vários grandes jogadores e jogadoras, além de haver vários praticantes da modalidade espalhados por diversos cantos do país. Também possui alguns jogadores que atuam na NBA, considerada a maior liga do esporte no mundo.

Alguns dos principais jogadores históricos do Brasil são Oscar e Hortência. No auge de suas carreiras, o basquete chegou a ser considerado o segundo esporte mais popular do Brasil, tendo posteriormente entrado em decadência.

No total, se somarmos os títulos do masculino e do feminino, o basquete brasileiro possui três campeonatos mundiais, sendo dois masculinos e um feminino.

 

Vôlei

Quanto à preferência, o vôlei é atualmente o segundo esporte mais popular do país. No retrospecto, o esporte é um dos mais vitoriosos do Brasil, especialmente com o desempenho bombástico que as seleções nacionais, principalmente a masculina, vêm tendo nos últimos anos. A equipe hoje lidera o ranking mundial masculino e aparece como primeiro colocado no ranking feminino também. A equipe masculina é treinada por Bernardinho e a feminina por José Roberto Guimarães.

A seleção masculina é atual campeã dos principais torneios do esporte no mundo: a Copa do Mundo, a Liga Mundial, o Campeonato Mundial e ganhou dois torneios Olímpicos de Vôlei.

 

Natação

A natação vem ganhando popularidade no Brasil. Sendo um esporte costumeiramente recomendado para crianças, e adequado à um país de clima tropical como o Brasil, a natação cresceu e começou a produzir ícones esportivos importantes. Começando por Djan Madruga, Rômulo Arantes e Ricardo Prado nos anos 70 e 80, passando por Gustavo Borges e Fernando Scherer nos anos 90, a natação brasileira hoje fabrica grandes talentos em sucessão.

Hoje o Brasil conta com um dos melhores nadadores do mundo, César Cielo, que é campeão olímpico, mundial e recordista mundial; e nadadores como Felipe França, Thiago Pereira e Kaio Márcio de Almeida que conseguiram bater recordes mundiais em suas provas. Mesmo a natação feminina vem se desenvolvendo e criando atletas como Joanna Maranhão e Gabriella Silva. Com a multiplicação do surgimento de talentos, a natação vem se destacando e conquistando seu espaço.

 

Artes Marciais Mistas

As artes marciais misturadas modernas têm suas raízes em dois acontecimentos: os acontecimentos de vale-tudo no Brasil e o shootwrestling japonês. Nesse tempo eles foram mutuamente ligados, mas foram separados.

O vale-tudo começou na terceira década do século XX, quando Carlos Gracie, um dos fundadores da luta marcial brasileira Gracie Jiu-Jitsu, convidou cada competidor de modalidades de luta diferentes. Isso era chamado de "Desafio do Gracie". Mais tarde, Hélio Gracie e a família Gracie e principalmente, Rickson Gracie, mantiveram este desafio que passaram a se dar como duelos de vale-tudo sem a presença da mídia.

No Japão, década de 1980, Antonio Inoki organizou uma série de lutas de artes marciais misturadas. Eram as forças que produziram o shootwrestling e eles, mais tarde, causaram a formação de uma das primeiras organizações japonesas de artes marciais misturadas conhecida como shooto. As artes marciais misturadas obtiveram grande popularidade nos Estados Unidos em 1993, quando Rorion Gracie e outros sócios criaram o primeiro torneio de UFC. Atualmente o Brasil conta com dois campeões mundiais no principal evento de lutas do mundo UFC, são eles Anderson Silva categoria dos médios e José Aldo categoria peso pena.

 

Capoeira

Assim como jogo de taco e o futsal esse foi um esporte criado exclusivamente por brasileiros. A Capoeira surgiu no século XVII em meio aos escravos como forma de resistir a dominação branca. Nos dias de hoje a capoeira é uma das artes marciais mais praticadas do país seguido pelo judô. Estima-se que no Brasil tenha entre 4 a 6 milhões de praticantes do esporte.

 

Jiu-jitsu brasileiro

Mitsuyo Maeda ensinou a técnica do jiu-jitsu tradicional japonês aos irmãos Carlos e Hélio Gracie, que desenvolveram o jiu-jitsu brasileiro, Gracie jiu-jitsu ou BJJ (do inglês brazilian jiu-jitsu). Esta é hoje a modalidade de jiu-jitsu mais praticada no mundo. A família Gracie criou uma tradição nas artes marciais que se mantém na atualidade.

Nos anos 90 o mestre Ricardo Morganti desenvolveu uma nova variação do jiu-jitsu, conhecido como Morganti ju-jitsu.

 

Judô

O Judô é outro esporte costumeiramente recomendado para crianças no Brasil, e portanto é largamente praticado. O país têm crescente tradição internacional no esporte, constantemente conquistando medalhas e títulos. Os maiores expoentes do esporte até hoje foram Aurélio Miguel e Rogério Sampaio, campeões olímpicos. Na atualidade, João Derly e Tiago Camilo, campeões mundiais, são os maiores representantes brasileiros.

 

Tênis

O tênis no Brasil pode ser considerado um esporte popular. Hoje existem diversas quadras em clubes, em propriedades particulares e para locação, especialmente em cidades com nível mais elevado do tamanho da população. Também é encarado por alguns como um passa tempo, ou um esporte a ser praticado depois de um dia de trabalho ou até mesmo antes dele.

O Brasil tem e já teve no passado grandes nomes no esporte, como Maria Esther Bueno, vencedora de 19 Grand Slams (7 em simples, 11 em duplas e 1 em duplas mistas) e Gustavo Kuerten, o Guga, que venceu 3 vezes o torneio de Roland Garros. Hoje, o tênis brasileiro é bem representado por Thomaz Bellucci, um dos 30 melhores do mundo.

 

Tênis de mesa

O Tênis de Mesa pode ser tão ou mais popular do que a versão de quadra (o tênis propriamente dito). Isso porque muitos jogam o esporte como lazer, não necessariamente como atividade física. Escolas, clubes e muitos outros lugares dispõem de mesas para a prática da modalidade. O maior mesatenista brasileiro é Hugo Hoyama. Atualmente o mesatenista número um do país é Thiago Monteiro.

 

Automobilismo

O automobilismo é um esporte bem popular no Brasil, o esporte começou a ganhar dimensão no país após os primeiros títulos da Fórmula 1 de Emerson Fittipaldi, posteriormente Nelson Piquet e Ayrton Senna ajudaram a firmar ainda mais o automobilismo brasileiro na categoria. O país também possui grandes conquistas na Fórmula Indy, com Emerson Fittipaldi ganhando o primeiro título brasileiro na categoria, seguido também pelos pilotos Gil de Ferran, Cristiano da Matta e Tony Kanaan.

Dentro do país as duas principais categorias são a Stock Car Brasil e a Fórmula Truck, alguns ex-pilotos de categorias internacionais atualmente correm nas categorias. O país possui aproximadamente 20 autódromos, incluindo pistas de asfalto e de terra, mas atualmente não possui nenhum circuito oval.

 

Skate

É um dos esportes mais praticados no Brasil, especialmente nas grandes cidades (metrópoles). Atualmente o Brasil é um dos países com o maior número de profissionais e amadores do esporte, tendo a segunda maior indústria de peças, equipamentos e roupas da modalidade. O maior skatista do mundo atualmente é Bob Burnquist, considerado o pai da "mega rampa". Outro skatista brasileiro famoso é Sandro Dias, um dos poucos que conseguem realizar o movimento "900".

 

Handebol

O handebol é um esporte que veio junto com os imigrantes alemães. Nos últimos anos vem perdendo popularidade devido ao crescimento de outros esportes como futebol americano e o beisebol. Ele ainda tem uma popularidade considerável principalmente nas escolas. Estima-se que no Brasil haja mais de 1 milhão de praticantes do esporte.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...