Conheça os flertes de Robin Williams com o mundo da música

O ator Robin Williams foi encontrado morto no dia 11 de agosto, na casa em que morava, em Tiburon, na Califórnia, com indícios de suicídio. Famoso por papéis em filmes como “Patch Adams – O Amor é Contagioso”, “Sociedade dos Poetas Mortos”, entre dezenas de outros, Williams também deu passos significativos no universo musical musical.

Com um total de seis discos na bagagem, o ator emplacou três álbuns nas paradas da Billboard. Além do expressivo sucesso comercial, Robin Williams ganhou cinco Grammy por canções interpretadas e/ou escritas. Lançado em 1979, o álbum ”Reality… What A Concept” conquistou uma honrosa 10ª colocação nas paradas de sucesso daquele ano e garantiu ao ator o Grammy de Melhor Gravação de Comédia. O artista ganhou outros três prêmios na categoria e, ainda em 1988, com “Pecos Bill”, abocanhou a estatueta pela Melhor Canção Infantil.

Nos idos de 1993, Williams dublou o protagonista do desenho “Aladdin” e cantou as músicas “Friend Like Me” e “Prince Ali“. Naquele ano, as canções da trilha do desenho chegaram ao 6º lugar do ranking das mais tocadas.

Em 2010, com “Weapons Of Mass Destruction”, Williams conquistou o lugar mais alto do podium de álbuns de comédia e permaneceu quatro semanas nesta posição. Além de ser indicado ao prêmio de Melhor Álbum de Comédia, o disco atingiu a 59ª posição no Billboard 200.

Veja as capas dos discos de Robin Williams:

Em algumas produções cinematográficas, o talento vocal de Robin Williams ficou em evidência. Na pele do marinheiro “Popeye” (1980), o ator deu um tostão de sua voz com a música “I Yam What I Yam”.

 

Na comédia “Uma babá Qusse Pefeita” (1993), o ator cantou um rap sobre os dinossauros.A letra da música é meio absurda, mas a alegria da criançada é garantida.

 

No desenho “Happy Feet” (2010), Willians deu voz ao pinguim Ramón e imortalizou uma ótima versão em espanhol para o clássico “My Way”, de Frank Sinatra.

Robin McLaurim Williams contava 63 anos de idade e mais de quatro décadas de carreira. Além de um legado brilhante legado artístico, o artista deixou três filhos: Zachary Pym, 31; Zelda Rae, 25; e Cody Alan, 22.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...